Turismo nacional aumentou negócios em 17% no ano passado

Estudo mostra que, em 2016, registou-se uma "notável" subida das dormidas da população estrangeira, situada em 11,4%, nomeadamente das correspondentes a residentes nos EUA.

O volume de negócios agregado do turismo registou um aumento de 17% para 3.075 milhões de euros, no ano passado e em comparação com 2015, de acordo com o estudo Estabelecimentos Hoteleiros da Informa D&B. A análise inclui hotéis, estalagens, aparthotéis, motéis, pensões, pousadas, aldeamentos turísticos, apartamentos turísticos e outros estabelecimentos de turismo.

A subida é justificada pelo “bom comportamento da procura portuguesa e, nomeadamente, estrangeira”, sendo que o estudo prevê que “no curto prazo continuará o crescimento da faturação setorial”, cita a agência Lusa.

No que diz respeito à taxa de ocupação, o número de hóspedes ultrapassou os 19 milhões em 2016, “registando um crescimento face a 2015 de cerca de 10%, taxa semelhante à registada pelas dormidas, as quais se elevaram a 53,5 milhões”.

O estudo refere ainda, em 2016, “sobressaiu o notável aumento das dormidas da população estrangeira, situada em 11,4% e nomeadamente das correspondentes a residentes nos Estados Unidos (+20,8%), França (+18,1%), Brasil (+13,6%) e Holanda (+13,4%). Os britânicos mantiveram-se em 2016 como os clientes estrangeiros mais importantes, assumindo 17,3% das dormidas totais”.

A capacidade hoteleira tem aumentado em Portugal de forma significativa nos últimos dez anos, sendo que o número total de camas aumentou cerca de 40% entre 2005 e 2015.






Mais notícias
PUB
PUB
PUB