Os máximos históricos parecem ter vindo para ficar na América de Trump. Hoje dois factos estão na agenda dos investidores. Um, a possível subida dos juros dos Estados Unidos pela Fed, já no próximo dia 14. Outro, a última reunião do ano do BCE com os bancos centrais e a decisão de política monetária para a zona euro.

outros destaques

Foram assim hoje chumbados três projectos de lei, dois do PSD e um do CDS, em todos eles o objectivo era revogar ou mitigar a alteração ao estatuto do gestor público feita em julho pelo Governo para a CGD.

Em 2016 materializaram-se alguns dos designados “cisnes negros” que colocaram em causa a estabilidade dos mercados. O próximo ano não será diferente.

Esmagadora maioria dos economistas sondados pela Bloomberg acredita que o pacote de compra de ativos deverá ser prolongado até setembro do próximo ano.

Mercados europeus dão como certo o prolongar do programa de compras do BCE em reunião amanhã.

De portas abertas desde 1986, o espaço noturno lisboeta encerrou, recentemente.

Os dados são da Entertainment Retailers Association (ERA) e são reproduzidos no site altamont.pt. Ainda há esperança na edição de discos em vinil.

Do ‘mayor’ de Londres, Sadiq Khan a Michael O'Leary, da Ryanair, e do populista Frauke Petry ao CEO da Spotify, Daniel Ek, várias são as personalidades presentes nesta lista que enumera os mais influentes do ano corrente e seguintes.

A administradora Isabel Mota foi hoje eleita presidente do conselho de administração da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), em Lisboa, sucedendo no cargo a Artur Santos Silva, revelou à agência Lusa fonte oficial.

Esta fileira industrial já representa uma faturação anual de cerca de seis mil milhões, dos quais cerca de metade são para exportações.

Autoridades investigam violação das regras de contratação pública e favorecimento a fornecedores. Na mira do Ministério Público estão contratos por ajuste direto que beneficiavam empresas com relações ae funcionários da própria Santa Casa.

banner_fbanca
PUB
PUB
portugal_exportador2
Primeira Página
pagina_02122016
PUB
oe2017_ey
infografias

A "guerra fria" do petróleo, iniciada em 2014 pelos Países Exportadores de Petróleo, atingiu severamente as economias do bloco, que se viram agora forçadas a dar um passo atrás na estratégia que visava proteger as quotas de produção destes países da nova produção norte-americana.

O mercado internacional de videojogos atingiu um valor recorde no ano passado. Portugal não escapa à tendência e as perspectivas são de crescimento nos próximos anos.

A enorme diferença entre as economias de Portugal e Espanha (sobretudo no que toca à sua dimensão) não impede os dois países de andarem muitas vezes de "mãos dadas", algo que é visível principalmente nas trocas comerciais. Espanha continua a ser o grande destino das exportações nacionais, mantendo-se também como um dos principais fornecedores. O país de "nuestros hermanos", com um PIB per capita muito superior ao nosso, também dá ajudas preciosas no turismo e nos fluxos de investimento.

fotogalerias

Uma das maiores coleções de automóveis da Europa foi leiloada pela quantia de 51,6 milhões de euros. Veja aqui as imagens.

Lagos cor-de-rosa, montanhas suspensas ou túneis de orquideas... Faça uma viagem por alguns dos lugares mais surpreendentes do mundo.

O Jornal Económico e a PwC promoveram esta manhã o Fórum Banca 2016 onde marcaram presença os protagonistas do setor em Portugal.

mais notícias
últimas notícias

O Partido Socialista Europeu tem que, rapidamente, abandonar a sua deriva neoliberal e retomar as suas origens trabalhistas, sob pena de deixar de ser uma clara alternativa de poder. O exemplo de António Costa deve ser olhado com atenção.

Não lembra a nenhum político avisado sujeitar a referendo numerosas e incompreensíveis alterações da Constituição. No caso italiano, o resultado de domingo poderá ter um efeito que nos envergonhará a todos: colocar no poder um palhaço.

É necessário, enquanto ainda é tempo, que o Governo coloque o eleitoralismo de lado e exerça as suas funções a pensar exclusivamente no superior interesse nacional.

Os máximos históricos parecem ter vindo para ficar na América de Trump. Hoje dois factos estão na agenda dos investidores. Um, a possível subida dos juros dos Estados Unidos pela Fed, já no próximo dia 14. Outro, a última reunião do ano do BCE com os bancos centrais e a decisão de política monetária para a zona euro.

As reservas de moeda estrangeira no banco central da China registam a maior queda desde Janeiro e acumulam cinco meses de baixa. São 3.050 mil milhões de dólares quando em 2014 eram de 4.000 milhares de milhões de dólares.

O estudo, orçamentado em 600 mil euros, tem um prazo de execução de 180 dias a partir do momento em que seja assinado o contrato com a entidade que ficar responsável por o efectuar.

Alemanha, Polónia e Turquia são os mercados com mais potencial de negócio para este setor.

Mercados europeus dão como certo o prolongar do programa de compras do BCE em reunião amanhã.

Mudanças fiscais de Trump podem ser as mais prejudiciais da história dos EUA por favorecerem os ricos e dificultar o crescimento.