Segurança Social: Governo prevê implementação das 43 medidas de modernização até 2018

Vieira da Silva destacou as nove medidas já concretizadas, entre as 43 propostas para a modernização da Segurança Social.

O ministério do Trabalho e da Segurança Social pretende implementar as restantes 34 medidas de modernização da segurança social até ao final de 2018, que faltam das 43 medidas traçadas.

O ministro do Trabalho e da Segurança Social, Vieira da Silva, sublinhou que gostaria que todas estivessem já em prática. Contudo, traçou um panorama positivo, uma vez que, nove já foram colocadas em prática.

“O que eu gostaria é que estivessem já todas concretizadas; que fosse já mais simples para os cidadãos e para as empresas relacionarem-se com a Segurança Social, quando se trata de uma prestação, do acesso à reforma, de uma dimensão contributiva… Eu gostaria que [a implementação de] todas elas fosse mais rápida”, disse Vieira da Silva na apresentação do novo ‘Portal Consigo’, citado pela Lusa.

Entre as principais medidas que serão implementadas está o novo portal da Segurança Social – a lançar até ao segundo trimestre de 2018-, a definição da senha de acesso à Segurança Social Direta na hora, que atualmente é enviada para casa -até ao terceiro trimestre de 2018-, ou a penhora bancária na hora.

Até ao final deste ano, o Governo quer permitir a gestão ‘online’ dos agregados familiares bem como o pedido e consulta ‘online’ da prestação social ou familiar.

Mais notícias