O que vale um ‘canudo’ no futuro profissional dos europeus?

Base de dados da OCDE, “Skills for Jobs”, indica qual a percentagem de trabalhadores empregados fora da área para a qual estudou.

A tabela é liderada pelo Reino Unido, com 40% de pessoas nessa condição, seguido da Grécia (39%), Eslováquia (37%) e Suécia (36%). O país com mais pessoas a trabalharem na área onde tiveram formação universitária é a Suíça, com apenas 13% na situação contrária.





Mais notícias
PUB
PUB
PUB