Italian Volt Lacama: elétrica e feita à medida

A Italian Volt pretende redefinir a experiência de condução elétrica. A carenagem da Lacama, o seu primeiro protótipo, é feita a partir de materiais impressos em 3D, o que permite que o cliente escolha o tipo de moto que quer, à medida das suas necessidades.

A Italian Volt pretende antever a mobilidade elétrica em duas rodas, mas também o aproveitar uma tendência cada vez mais crescente, a da costumização. Por isso criou a Lacama, com carenagem feita a partir de componentes impressos em 3D, o que permite que o cliente escolha uma de três versões disponíveis: Scrambler, Roadster ou Café Racer. Os donos da Lacama poderão também ajustar o binário e a travagem, bem como monitorizar o carregamento através de uma app.

Ainda sem preço anunciado, a Lacama “é completamente modificável para desenhar uma moto única. Foi concebida para ser uma criação pessoal do seu piloto, funcionando como uma espécie de tela para uma experiência de pilotagem feita à medida”, declaram os seus criadores, Nicola Colombo, Valerio Fumagalli e Adriano Stellino, veteranos da indústria.

Com 245 kg de peso, a autonomia anunciada da Lacama é de 200 km, com a velocidade máxima limitada a 180 km/h. Os 0-100 km/h cumprem-se em 4,6 segundos. Quanto a baterias e tempos de recarga, apenas se sabe que será possível recarregar 80% da capacidade em 40 minutos. Conhecidos são também os fornecedores da suspensão, Öhlins, e dos travões, que serão da Brembo.

Mais notícias
PUB
PUB
PUB