Inovação da engenharia portuguesa ajuda a ver Nossa Senhora de Fátima

Empresa portuguesa cria estrutura que melhora a observação da figura de Nossa Senhora em Fátima. Um “robusto sistema de elevação” praticamente invisível aos olhos do público, disse a arquitecta Paula Santos.

Wonderwall é a parede cénica elevatória, criada pela empresa de engenharia portuguesa Behind Solutions, que pretende melhorar a observação da figura de Nossa Senhora em Fátima. Entre hoje e amanhã, um milhão de pessoas vão estar reunidas em Fátima para ver o Papa Francisco.

A inovação estará por trás da imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, no altar em que se realizará a celebração eucarística de celebração do centenário pelo Papa Francisco e assenta num “robusto sistema de elevação” praticamente invisível aos olhos do público, disse a arquitecta Paula Santos.

“Está a funcionar há um ano, mas só agora terá o seu teste de fogo, com centenas de câmaras de televisão e milhões de olhos a incidir sobre a imagem”, disse o designer, e um dos fundadores da empresar, Vítor de Castro Lopes em comunicado.

O designer adiantou ainda que o propósito da Wonderwall é garantir que os presentes “vejam de forma clara, em qualquer ponto do santuário, a escultura”, o que é possível graças a um “suave contraste entre o tom levemente esverdeado do mármore e a alvura da peça”.

A empresa Behind Solutions foi criada por Vítor de Castro Lopes e os três engenheiros há pouco mais de um ano, em Vila Nova de Famalicão. Além da Wonderwall, a companhia criou o Lift Park e o Plus Park, que são sistemas que visam facilitar a operação de espaços de parqueamento.

Mais notícias