ING financia a aquisição de três edifícios de escritórios em Portugal

O ING concedeu um empréstimo de 40 milhões de euros para a empresa de capital de risco Global Asset Capital em Portugal. O empréstimo é destinado ao refinanciamento de três edifícios de escritórios no centro de Lisboa.

Os três edifícios refinancidados estão situados numa das zonas mais emblemáticas da capital portuguesa, o Marquês de Pombal e que são ocupados por escritórios de empresas como a Uría Menéndez – Proença de Carvalho, Bankinter e a EDP. Os três edifícios são: Marquês de Pombal 12 com 5.420m2 de escritórios SBA e 240 m2 de unidade comercial, Marquês de Pombal 13 que conta com 3.131 m2 de escritórios SBA e duas unidades retalhistas e o edifício Camilo Castelo Branco 45 que conta com 5.921 m2 de escritórios SBA.

Julian Bravo, responsável pela área de Real Estate Finance (REF) para Espanha e Portugal, revela que “esta operação reforça a posição de liderança na área de Real Estate Finance (REF) no mercado Ibérico. Assim sendo, estamos empenhados em continuar a crescer no segmento de ativos core tais como escritórios e centros comerciais”.

Desde o início do ano a equipa de REF da ING (que é uma instituição financeira global com uma presença europeia forte, oferecendo serviços bancários através do ING Bank e mantendo uma participação significativa na seguradora NN Group NV), já assinou sete operações em Portugal e Espanha, entre as quais estão a compra do centro comercial Gran Vía de Vigo pela LAR España ou o financiamento à aquisição do centro comercial Alcalá Magna pela Trajano Iberia, e conta com um importante pipeline para os próximos meses em ambos os países.



Mais notícias
PUB
PUB
PUB