Exportações nacionais aumentam 9% em fevereiro, menos metade do que em janeiro

No primeiro mês do ano, as exportações portuguesas tinham acelerado quase 20%. Em fevereiro, o défice da balança comercial nacional subiu para 746 milhões de euros.

David Gray/Reuters

As exportações portuguesas aumentaram 9% em fevereiro de 2017 face ao mesmo mês do ano anterior. O valor significa uma desaceleração em relação a janeiro, mês em que Portugal registou uma variação homóloga das exportações de 19%. Já as importações aumentaram 8,9% em fevereiro, em comparação com os 22,4% em janeiro.

O défice da balança comercial de bens situou-se em 746 milhões de euros em fevereiro de 2017, representando um aumento de 58 milhões de euros face ao mês homólogo de 2016, segundo dados divulgados esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

“No trimestre terminado em fevereiro de 2017, as exportações e as importações de bens aumentaram respetivamente 13,3% e 14,7% face ao período homólogo”, refere o relatório do INE. “Em 2016, as exportações de bens aumentaram 1,0% e as importações de bens cresceram 1,3% face ao ano anterior. O mercado espanhol foi o que mais contribuiu para o aumento global das exportações, enquanto nas importações foi a Rússia, devido à aquisição de combustíveis”.

O aumento das exportações de bens de consumo e das importações de material de transporte destacam-se no balanço de transações no ano passado. Pelo contrário, registou-se uma queda significativa nas transações de combustíveis. Excluindo combustíveis e lubrificantes, o crescimento das exportações ficou nos 2,5% e das importações nos 4,9%.

PUB
PUB
PUB