Este tradutor converte texto para braille em tempo real

Com uma versão funcional do dispositivo portátil já criada pelo grupo de alunos do Massachusetts Institute of Technology (MIT), este novo modelo, ainda mais completo, já se encontra em desenvolvimento.

Seis estudantes de engenharia no Massachusetts Institute of Technology (MIT) criaram um dispositivo portátil que traduz textos para braille, em tempo real. Foi em 2016 que surgiu a ideia no decorrer de uma hackathon, que surgiu pela primeira vez a ideia. Desde então, o dispositivo tem superado várias etapas de desenvolvimento.

Com uma versão funcional já criada pelo grupo de alunos, este novo modelo, mais completo já se encontra em desenvolvimento e o melhor é que poderá entrar no mercado por 200 dólares, valor bastante inferior ao normal deste tipo de soluções já existentes.

“Atualmente, a câmara só tira uma foto do seu campo de visão”, adianta Chandani Doshi, um dos estudantes responsáveis pelo dispositivo. “Queremos tornar o dispositivo semelhante a um scanner portátil que permite ao utilizador registar uma página inteira de uma só vez”, esclareceu.

Para melhorar o dispositivo portátil, foi atribuído ao grupo de estudantes um prémio de 10 mil dólares (perto de nove mil euros) pelo Lemelson-MIT Student Prizes de 2017. De acordo com a informação divulgada na imprensa internacional, a sua entrada no mercado está prevista para dentro de dois anos.



Mais notícias