Consulta popular sobre a Venezuela decorre hoje na Madeira

Na região são esperados cerca de quatro mil votantes, nesta consulta popular que decorre até 19 horas, de hoje.

REUTERS/Carlos Garcia Rawlins

Durante este domingo decorre a consulta popular a todos os venezuelanos. O presidente da Venezuela convocou uma Assembleia Nacional Constituinte para alterar o texto da Constituição. A oposição ao regime criticou esta resolução e é sobre a mesma que os venezuelanos são chamados a se pronunciar .

Na Região Autónoma da Madeira foram disponibilizados três pontos de voto no Funchal (Jardim Municipal do Funchal), na Ribeira Brava (restaurante El Desafio Tropi Burguer) e em Santa Cruz (Village Hotel).

Esta consulta popular a nível nacional decorre sobre a coordenação de Venexos (Associação Civil de Venezuelanos) e com o apoio de mais de 80 voluntários. Para proceder ao voto deve ser apresentado um documento de identidade venezuelano valido (Cédula de Identidade ou Passaporte, mesmo que a data de validade deste tenha expirado).

De acordo com a Venexos todos os venezuelanos maiores de 18 anos, residentes em Portugal ou apenas de visita, poderão manifestar a sua vontade nos pontos disponibilizados por todo o pais. “Este processo vai realizar-se simultaneamente em mais de 108 países do mundo”, revela a associação.



Mais notícias
PUB
PUB
PUB