InícioNotícia escrita porGabriel Leite Mota, Professor Universitário de Economia

A forma como o sistema de incentivos está desenhado faz com que ninguém queira dar aulas: no fim do dia, serão as publicações que determinam quem sobe, manda, avalia os colegas e aufere mais.

Cabe à esquerda dentro do PS, e aos partidos à esquerda do PS, terem a maturidade para perceber que estes são tempos decisivos para se lutar contra as forças erosivas da globalização desregulada.

A Liga dos Campeões é o exemplo paradigmático do destino de uma qualquer sociedade liberal: acumulação do poder em poucos, cartelização e destruição da igualdade de oportunidades.

Olhando para dados do Banco Mundial, constatamos que, em 2015, Portugal tinha uma taxa de natalidade bruta de 8,3 nascimentos por cada 1.000 habitantes, enquanto que a taxa de fertilidade se situava nos 1,23 filhos por mulher (muito abaixo dos 2,1 necessários para a renovação populacional).

O fenómeno das criptomoedas é triplamente irritante: primeiro, porque é mais numa bolha especulativa; segundo, porque está a servir para lavar dinheiro sujo e operar transacções ilegais de uma forma facilíssima; terceiro, porque esses algoritmos que geram números não são moedas.

O que desejo é que Centeno seja fiel ao que defende, no sentido das alternativas, e que não se torne em mais um daqueles que dobram a coluna para poder subir as escadas.

Será que um qualquer método de avaliação é sempre melhor que nenhuma avaliação? A resposta a esta questão não é óbvia.

É um caso típico de conflito entre o bem individual (dos muito ricos) e o interesse público ou o bem social (da classe média e dos pobres, que são a esmagadora maioria da população).