InícioNotícia escrita porFilipe Alves

falves@jornaleconomico.pt

Emília Vieira é a presidente da Casa de Investimentos, instituição sediada em Braga que gere cerca de 100 milhões de euros e com um retorno médio anual na casa dos 12%. Em entrevista ao Jornal Económico, esta admiradora de Warren Buffet lamenta a destruição de valor ocorrida em Portugal com os sucessivos escândalos bancários e propõe a filosofia do investimento em valor como a opção certa para quem procura retornos atrativos com baixo risco.

O caso das alegadas “rendas” da EDP não é fácil de entender. Leia aqui o que está em causa e quem são os envolvidos na investigação.

Candidata elege como prioridades áreas como a limpeza urbana, a atração do investimento e implementação de medidas para apoiar o empreendedorismo e a criação de emprego.

É ao ministro da Defesa que temos de pedir responsabilidades políticas pelas falhas de segurança em Tancos. Entre outras razões para que sirva de exemplo e que os Governos futuros não descurem estas questões. O barato sai caro.

Líder da associação dos advogados de Contencioso diz que a rapidez do sistema judicial não pode ser alcançada à custa da qualidade. Sobre as custas judiciais, é peremptório: o atual regulamento está mal redigido e põe em causa o acesso à Justiça.

A Prisa pretende vender vários ativos para reduzir a sua elevada dívida bancária, um dos quais é a Media Capital, a dona da TVI, a estação líder de televisão da Portugal.

O verdadeiro aproveitamento político não está no facto de alguém questionar a atuação das autoridades nesta tragédia, mas sim em tentar utilizar o sofrimento das vítimas para retirar legitimidade a quem pede que sejam apuradas responsabilidades.

Alterações nas estruturas acionistas de vários grandes bancos reforçaram solidez do setor, defende o líder da EY em Portugal, João Alves.