InícioNotícia escrita porFilipe Alves

falves@jornaleconomico.pt

Bancos terão um prazo de 30 anos para cobrir a dívida do Fundo de Resolução ao Estado. Empréstimo de 3,9 mil milhões de euros foi utilizado capitalizar o Novo Banco em agosto de 2014.

PwC, EY e KPMG entregaram propostas para suceder à Deloitte como auditor do banco do Estado, apurou o Jornal Económico. Novas regras obrigam à mudança de auditor. Contrato vale 5,5 milhões.

Emissão de dívida subordinada permite reforçar rácio de capital do banco liderado por Pablo Forero.

Nos últimos tempos, temos assistido a cada vez mais casos em que existem potenciais conflitos de interesse entre a vida profissional e o exercício de funções públicas

António Mexia admite que a operação tenha um valor “acima dos 500 milhões de euros", segundo a Bloomberg.

Ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais é autor de um parecer à PDV Europe, quando trabalhava na sociedade de advogados Garrigues, entre 2008 e 2010, antes de integrar o Governo de Pedro Passos Coelho, avançou o Jornal Económico, em primeira mão, na edição desta sexta-feira.

Imparidades rondam os 2,6 mil milhões de euros, penalizando os resultados do banco do Estado, que teve o prejuízo mais alto de sempre.

Escritório de advogados português passa a integrar a firma americana, após seis anos de parceria. Sócio português antecipa que o crescimento verificado nos últimos anos, com a participação em várias grandes operações, vai ser reforçado com este passo.