Angola: João Lourenço exonera filho de José Eduardo dos Santos

José Filomeno dos Santos liderava a administração do Fundo Soberano de Angola, que gere 5.000 mil milhões de dólares (cerca de 4,1 mil milhões de euros) em ativos do país.

O Presidente de Angola, João Lourenço, decidiu exonerar o conselho de administração do fundo soberano angola e, assim, o último filho do ex-presidente José Eduardo dos Santos que ainda tinha funções ligadas ao Estado.

A informação sobre a exoneração, “por conveniência de serviço”, foi transmitida hoje pela Casa Civil do Presidente da República em nota enviada à agência Lusa, em Luanda, passando o Fundo Soberano de Angola (FSDEA), que gere ativos do Estado angolano no valor de 5.000 milhões de dólares (cerca de 4,1 mil milhões de euros), a ser presidido por Carlos Alberto Lopes, até agora secretário para os Assuntos Sociais do chefe de Estado.

Depois de Isabel dos Santos, que exonerou do cargo de presidente do conselho de administração da petrolífera estatal Sonangol, e de ter ordenado a rescisão do contrato entre a Televisão Pública de Angola (TPA) e a empresa Semba Comunicações, detida por Welwítschia “Tchizé” e José Paulino dos Santos “Coreon Dú” para a gestão do segundo canal, José Filomeno dos Santos é o quarto filho do ex-Presidente angolano José Eduardo dos Santos, a ser afastado do poder por João Lourenço, empossado em setembro último.





Mais notícias
PUB
PUB
PUB