InícioEconómico Madeira (Página 2)

Não foram encontradas notícias

Não foram encontradas notícias

A queda de um carvalho na terça-feira no Monte provocou 13 mortos e mais de 50 feridos.

Cafôfo garante que vai "assumir todas e quaisquer responsabilidades", mas só depois de apuradas as causas da tragédia. A Câmara decidiu também custear despesas das cerimónias fúnebres das 13 vítimas mortais e rejeita 'guerras' de propriedade com a Igreja.

O Papa Francisco enviou uma mensagem sobre a tragédia do Monte.

José Mourinho é outro português na lista da FIFA divulgada esta quinta-feira.

PUB
PUB
Primeira Página
Primeira Página Madeira
PUB
últimas notícias

Cafôfo garante que vai "assumir todas e quaisquer responsabilidades", mas só depois de apuradas as causas da tragédia. A Câmara decidiu também custear despesas das cerimónias fúnebres das 13 vítimas mortais e rejeita 'guerras' de propriedade com a Igreja.

O Marítimo enfrenta hoje o Dynamo Kyiv no Estádio dos Barreiros para o playoff da Liga Europa. Entre os problemas a precisarem de ser resolvidos está Andriy Yarmolenko que tem estado com apetência para o golo.

Equipa de peritagem continua as análises à árvore que matou 13 pessoas, enquanto isso mantém-se o debate em torno da responsabilidade pela manutenção do terreno e se o facto de ser propriedade da Diocese atenua as responsabilidades municipais.

O presidente da Quercus, João Branco referiu ao Económico Madeira que podem existir muitos motivos que justifiquem a queda do carvalho entre eles raízes que não tenham sustentabilidade.

O atum foi o peixe mais capturado no primeiro semestre com cerca de 892 mil quilos na Madeira.

O número de empregos na Administração Regional da Madeira desceu no segundo trimestre do ano.

A Madeira está em alerta amarelo devido ao tempo quente até à próxima sexta-feira.

Estão cancelados os concertos previstos para os próximos dias. No Caniço, a feira gastronómica foi adiada e os partidos suspenderam as atividades para os próximos dias.

A Associação dos Lesados do Banif (Alboa) tem uma reunião hoje com a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).