InícioEmpresasInfraestruturas
Infraestruturas

Segundo um comunicado da Brisa, concessionária da autoestrada, os trabalhos vão começar no próximo dia 28 de maio, devendo estar concluídos a 21 de setembro,

Hoje, circulam diariamente na estação mais de 150 mil pessoas, 200 comboios, 160 composições do metropolitano, várias centenas de autocarros, entre urbanos, suburbanos, nacionais e internacionais, 600 táxis e acima de 2.200 viaturas particulares.

O condicionamento do trânsito deve-se a trabalhos de repavimentação.

O excesso de velocidade detetado pelos radares da Via de Cintura Interna, no Porto, vai traduzir-se em multas nas “próximas semanas”, devido a novas condições técnicas para comunicar infrações às entidades competentes, revelou hoje a Infraestruturas de Portugal.

O departamento de segurança marítimo da província de Liaoning lançou uma ordem para a embarcação evitar uma secção do oceano, a sudeste da cidade, entre segunda e sexta-feira.

O volume de negócios subiu apenas em 3%, atingindo 626,8 milhões de euros.

Segundo um comunicado da IP, esta obra envolve um investimento de 2,8 milhões de euros do valor da empreitada, aos quais acrescem os custos dos materiais a empregar, que ascendem a 1,1 milhões de euros.

Bruno Tavares, responsável de aceleração da Brisa – Autoestradas de Portugal, disse ao Jornal Económico que a empresa está a trabalhar com um projeto “potencialmente disruptivo” relacionado com blockchain. Fomos conhecer o acolhedor (e acelerador) espaço da ‘Grow Mobilty’, a rampa de lançamento de startups como a We Park.

PUB
PUB
PUB