Wall Street negoceia sem tendência definida

Praças norte-americanas têm negociado mistas ao longo do ano, com recuos periódicos.

Reuters

Os principais índices norte-americanos abriram a sessão desta quarta-feira a negociar mistos, depois do dia de ontem ter sido marcado pela queda das ações da Apple.

As ações da tecnológica caíram 0,83% no mercado de pré-negociação após a apresentação do tão aguardado iPhone X, por 999 dólares e a data de entrega de 3 de novembro. Ainda assim, a quebra da Apple foi compensada por um aumento no índice financeiro, ajudando os três principais índices de Wall Street a fechar em máximos recordes.

O industrial Dow Jones avança 0,03% para 22.130,61 pontos, o S&P 500 cai 0,09% para 2.494,12 pontos e o Nasdaq recua 0,21% para 6.441,75 pontos.

As praças norte-americanas tem negociado mistas ao longo do ano, com recuos periódicos provocados pela turbulência em Washington, as questões sobre os aumentos das taxas de juros nos EUA e as dúvidas sobre a capacidade da administração Trump levar avante as reformas prometidas. As tensões geopolíticas, nomeadamente com a Coreia do Norte, também têm tido impacto em Wall Street. 



Mais notícias
PUB
PUB
PUB