Vistos Gold: Investimento atinge 3 mil milhões de euros

Barreira dos três mil milhões foi superada em março, avança a Lusa.

O investimento captado através dos vistos Gold atingiu, pela primeira vez, os 3 mil milhões de euros, em março, de acordo com os dados do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) hoje divulgado pela Lusa.

O visto Gold foi um mecanismo criado pelo Governo anterior do PSD/CDS em 2012 e é uma autorização para entrada e residência em Portugal, atribuído a cidadãos não naturais da União Europeia ou residentes fora do Espaço Schengen a troco de um investimento financeiro avultado ou criação de emprego.

No final de março, o investimento resultante da Autorização de Residência para a atividade de Investimento (ARI), como também são conhecidos os “Vistos Gold”, totalizou 3.000.434.107,62 euros.

Deste total, a maioria (2.702.076.908,60 euros) corresponde a investimento por via da aquisição de bens imóveis, enquanto a transferência de capital atingiu os 298.357.199,02 euros, segundo o SEF.

Mais notícias
PUB
PUB
PUB