Subida das taxas de juro pressiona Wall Street

O índice industrial Dow Jones perdeu 0,47%, para 25.201,20 pontos, e o tecnológico Nasdaq resvalou 0,11%, para 7.695,70 pontos.

Reuters

A bolsa de Nova Iorque fechou a sessão esta quarta-feira, dia 13 de junho, a negociar com sentimento negativo, após ter aberto em alta. Poucas horas após o fim da reunião da Fed, em que se anunciou um novo aumento das taxas de juro de referência, os mercados financeiros reagiram com perdas, apesar de o desfecho ter sido o esperado.

O índice industrial Dow Jones, referência para o mercado norte-americano e mundial, perdeu 0,47%, para 25.201,20 pontos, e o tecnológico Nasdaq resvalou 0,11%, para 7.695,70 pontos. O índice financeiro S&P 500 cedeu igualmente no término das negociações de hoje, com uma quebra de 0,40%.

No setor petrolífero, o Brent soma 0,94%, para 76,59 dólares por barril, e o crude WTI valoriza 0,44%, para os 66,65 dólares. Quanto aomercado cambial, o euro ganha 0,37%, para 1,1788 dólares, e a libra recua ligeiramente 0,02%, para 1,3369 dólares.

De acordo com o relatório do comité de política monetária da instituição liderada por Jerome Powell, as taxas aumentam, assim, para o intervalo entre 1,75% e 2%. “A criação de emprego foi significativa, em média, nos últimos meses e a taxa de desemprego recuou. Os dados recentes sugerem que os gastos das famílias têm aumentado e que o investimento das empresas continuou a crescer fortemente”, argumentou a mesma entidade.

Conforme esperado, Fed sobe taxas de juro






Mais notícias
PUB
PUB
PUB