Santander lança serviço de transferências bancárias internacionais baseado em tecnologia “blockchain”

O banco Santander acaba de lançar um serviço de transferências internacionais que utiliza tecnologia baseada na "blockchain" da Ripple. Chama-se "Santander One Pay FX" e, para já, só está disponível em quatro países: Espanha, Reino Unido, Brasil e Polónia.

O banco Santander inaugurou um serviço de transferências internacionais que utiliza tecnologia baseada na “blockchain” da Ripple. Mais concretamente, o serviço utiliza o sistema “xCurrent”, baseada em registos contáveis compartilhados que são propriedade da Ripple (empresa californiana, na qual o Santander investiu quatro milhões de dólares em 2015, através da InnoVentures), explica o jornal “El Economista”.

O serviço chama-se “Santander One Pay FX” e, para já, só está disponível em quatro países: Espanha, Reino Unido, Brasil e Polónia. No entanto, o “El Economista” informa que está prevista a expansão do serviço para mais países nos próximos meses. Com este novo serviço, os clientes do Reino Unido, por exemplo, podem fazer transferências bancárias para países europeus e para os EUA, enquanto os de Espanha podem fazer para o Reino Unido e EUA.

Os clientes do Santander poderão assim realizar transferências internacionais entre particulares de forma mais rápida. Em muitos casos, garante o jornal, essas transferências chegarão ao destino no mesmo dia ou no dia seguinte. Mais, saberão o montante exato que chegará na moeda do destinatário antes de confirmarem a transação bancária.

 






Mais notícias
PUB
PUB
PUB