Rubina Leal critica mau aproveitamento dos fundos comunitários

Candidata do PSD-M à Câmara do Funchal promete investir na segurança e nas obras para prevenção de incêndios.

Rubina Leal, candidata à liderança da Câmara Municipal do Funchal, não poupou nas críticas ao trabalho do atual executivo camarário, esta tarde, durante a iniciativa partidária ‘Encontros com os Militantes.

Desta vez, a social-democrata deslocou-se à freguesia do Monte, onde condenou a falta de investimento no saneamento básico e em obras que considerou prioritárias na prevenção e no combate a eventuais incêndios.

“É inconcebível que nesta freguesia – fustigada por muitos fogos – ainda tenhamos bocas-de-incêndio nas estradas  que não estão a funcionar. É inconcebível que nesta freguesia, onde temos o pulmão da cidade – o Parque Ecológico – não tenhamos os caminhos corta fogo feitos, nem sementeiras, nem reflorestação em curso”, criticou Rubina Leal.

A candidata do PSD-M acusou ainda a liderança de Paulo Cafôfo de não ter rentabilizado os  fundos comunitários  para dinamizar medidas de prevenção  aos incêndios.

“Com a minha candidatura, obviamente, que as questões de segurança serão resolvidas”, garantiu.

Neste encontro, participou também o líder social-democrata, Miguel Albuquerque, que enalteceu a capacidade de trabalho de Idalina Silva, candidata à reeleição para a junta de freguesia.

“Independentemente da Câmara não ter feito investimento nenhum na freguesia, esta candidata é uma trabalhadora excepcional e de grande confiança, que tem uma grande empatia com a população, por isso vamos voltar a ganhar um monte”, vincou Albuquerque.



Mais notícias