Responsáveis da Cabo Verde Airlines dizem-se focados na protecção aos passageiros até retoma das operações

A Cabo Verde Airlines, companhia aérea cabo-verdiana, mantém a disrupção dos voos programados e está focada no plano de protecção aos seus passageiros até retoma das operações, prevista para os próximos dias.

O conselho de administração explica, em comunicado, que desde 02 de Julho, a transportadora aérea nacional “sofreu uma disrupção dos seus voos, por razões alheias à companhia, o que gerou o cancelamento de 52 voos, afectando cerca de 7.550 passageiros”.

“A nossa companhia conseguiu assegurar a protecção de 90% dos passageiros, estando os restantes 10% em processo de tentativas de acolhimento nas melhores circunstâncias possíveis, em companhias terceiras”, lê-se no comunicado, acrescentando que os responsáveis da Cabo Verde Airlines estão a “trabalhar incansavelmente” para remarcar todos os passageiros em voos alternativos e “garantir que chegam ao seu destino da forma mais rápida e confortável possível”.

O conselho de administração reconhece que a empresa a enfrentar estas “circunstâncias extraordinárias” e prevê que estas “sejam resolvidas nos próximos dias por forma a restabelecer a operação a curto prazo”.






Mais notícias
PUB
PUB
PUB