“Realidade desmente Cavaco Silva”, assegura Catarina Martins

"Atrever-me-ia a dizer, com enorme respeito pelas diferenças de opiniões e divergências, que a realidade tem vindo a desmentir o professor Cavaco Silva há já bastante tempo", afirmou a coordenadora do Bloco de Esquerda (BE).

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, defendeu esta quinta-feira que a realidade veio “há já bastante tempo” desmentir as palavras do antigo presidente da República, Aníbal Cavaco Silva sobre a primazia da zona euro em relação às diferentes ideologias. Catarina Martins diz que as declarações de Cavaco Silva foram “em linha de tudo o que tinha dito até agora” e não houve “nenhuma surpresa”.

“Atrever-me-ia a dizer, com enorme respeito pelas diferenças de opiniões e divergências, que a realidade tem vindo a desmentir o professor Cavaco Silva há já bastante tempo e, desse ponto de vista, as declarações de ontem [quarta-feira] foram iguais às que se esperavam”, afirmou a líder do BE.

Catarina Martins reagia às declarações de Cavaco Silva na Universidade de Verão do PSD, onde o ex-chefe de Estado considerou que “a realidade ao tirar o tapete à ideologia projeta-o com uma tal força contra a retórica daqueles que no Governo querem realizar a revolução socialista que acabam por perder o pio ou fingem que piam”.

O social-democrata defendeu ainda que “é corrente apresentarem-se três casos de países da zona euro onde a realidade tirou o tapete à ideologia”, citando o caso de França e Grécia mas sem se referir explicitamente ao caso de Portugal.





Mais notícias