Presidente do PSD cancela iniciativas partidárias durante toda a semana

O PSD enviou um comunicado às redações a dar conta do cancelamento da agenda partidária da semana. E fonte do partido explicou à Lusa que a deslocação de segunda-feira, marcada para as 11:00, "é uma iniciativa institucional para se inteirar de todos os esforços que a Proteção Civil tem feito nos últimos dias".

O Presidente do PSD cancelou todas as iniciativas partidárias previstas para este domingo e para toda a semana, na sequência da tragédia de Pedrógão Grande, onde o maior incêndio que Portugal viveu nos últimos tempos provocou 61 vítimas mortais e um número semelhante de feridos. O PSD enviou um comunicado às redações onde dá conta que toda a agenda pública partidária do PSD que estava prevista para esta semana foi cancelada.

Pedro Passos Coelho já tinha manifestado pesar e solidariedade pela evolução da situação trágica em Pedrógão Grande, durante um evento partidário na noite de sábado. “Quero expressar solidariedade e luto pela perda de vidas humanas”, disse Pedro Passos Coelho, durante uma sessão de apresentação do candidato à autarquia de Ansião em que pediu um minuto de silêncio em memória das vítimas mortais.

O líder do PSD deixou ainda uma mensagem de reconhecimento ao trabalho dos bombeiros no combate a um incêndio de proporções e consequências profundamente trágicas.

Fonte do partido explicou à Lusa que a deslocação de segunda-feira, marcada para as 11:00, “é uma iniciativa institucional para se inteirar de todos os esforços que a Proteção Civil tem feito nos últimos dias”.



Mais notícias