Plano Operacional de Combate aos Incêndios começa esta sexta-feira na Madeira

Entre as novidades está a introdução de meios aéreos na Madeira e ainda a inclusão de um elemento dos bombeiros da Região na monitorização e coordenação do dispositivo POCIF.

A partir desta sexta-feira a Madeira activa oficialmente o Plano Operacional de Combate aos Incêndios (POCIF) que vigora até 15 de outubro. Entre as novidades está a inclusão de meios aéreos na Região.

O POCIF visa a constituição de um “dispositivo especial de patrulhamento, vigilância, deteção e combate a incêndios” de forma a garantir em permanência uma “resposta operacional rápida e adequada a fogos em fase inicial”.

Entre as novidades deste ano está a introdução de meios áereos na Região Autónoma e ainda a inclusão no Centro Integrado de Comunicações do CROS de um elemento dos quadros de Comando dos Corpos de Bombeiros da Região que terá a seu cargo a “monitorização e coordenação do dispositivo” do POCIF 2018 bem como a coordenação do ataque inicial.

O helicóptero que vai fazer a operação na Madeira será a aeronave ECUREIL AS350B3, que tem capacidade para 750 litros, autonomia de 90 minutos.

O aparelho permite ainda o embarque de equipas/brigadas helitransportadas que são constituídas por 5 operacionais especializados em intervenção imediata em incêndios florestais. O aluguer do helicóptero terá um custo calculado em 1,2 milhões de euros no Orçamento Regional.




Mais notícias
PUB
PUB
PUB