Parlamento ratifica o acordo de Paris

Alterações climáticas foram discutidas hoje pelos deputados.

A Assembleia da República ratificou, durante a reunião plenária de hoje, o acordo de Paris sobre as alterações climáticas.

O Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, esteve presente na sessão e apresentou a ratificação do acordo de Paris como “um ato de grande responsabilidade para continuar o caminho de combate global às alterações climáticas, que constitui um dos principais desafios que o planeta enfrenta neste século”.

“Todos somos chamados individual e coletivamente a prosseguir o objetivo de reduzir as emissões dos gases de efeito de estufa. O acordo de Paris constitui uma janela de esperança neste combate sem tréguas. É um acordo verdadeiramente ambicioso, dinâmico, durável, abrangente e universal”, continuou o ministro.

“As evidências científicas relativas à influência da atividade humana sobre o sistema climático são mais fortes do que nunca e o aquecimento global é inequívoco. Esta é uma das principais conclusões do painel intergovernamental para as alterações climáticas no seu último relatório de avaliação, indicando que a manutenção dos níveis atuais de emissões de gases com efeitos de estufa provocará um aumento da temperatura e tornará mais provável a existência de impactos irreversíveis para as populações e ecossistemas”, declarou o Ministro do Ambiente, fazendo referência aos fogos florestais que assolaram Portugal no verão.




Mais notícias
PUB
PUB
PUB