Mercados norte-americanos encerraram a negociar pouco alterados

Numa semana em que os mercados têm registado recordes sucessivos, numa escalada para terreno desconhecido, os investidores esperam agora mais detalhes sobre as políticas do presidente norte-americano para continuar a seguir a onda de otimismo.

wall-street_eua_200815

As principais praças norte-americanas encerraram esta quinta-feira pouco alteradas, após as últimas sessões de ganhos consecutivos, com o rally Trump a perder hoje força, já que os investidores mostram-se expetantes sobre mais pormenores do tão aguardado “anúncio fenomenal” sobre os impostos.

O S&P 500 recuou 0,09% para os 2.347,22 pontos, após ter encerrado nas últimas cinco sessões consecutivas a bater recordes, e o Nasdaq caiu 0,08% para os 5,814.90 pontos.

O Dow Jones Industrial Average contrariou a tendência, e pela sétima sessão consecutiva encerrou a ganhar. O industrial avançou 0,04% para os 20.619,77 pontos.

Numa semana em que os mercados registaram recordes sucessivos numa escalada para terreno desconhecido, os investidores esperam agora mais detalhes sobre as políticas do presidente norte-americano para continuar a seguir a onda de otimismo.

“Parte da emoção e entusiasmo sobre os lucros e as iniciativas de crescimento de Trump está a começar a mudar para algo mais prático, acontecimento dia após dia”, disse o diretor regional de investimento da Private Client Reserve no U.S. Bank, Jeff Kravetz, citado pela Reuters.

No mercado cambial, o euro valoriza-se 0,72% face ao dólar, para 1,0675, enquanto o dólar cai 0,80% para 113.2 ienés.