“Make Love Not Walls”: Diesel lança campanha provocadora contra Trump

Marca de moda italiana criou esta campanha como forma de protesto contra a construção do muro que vai separar o México dos EUA. "Temos uma forte posição contra o ódio e queremos que o mundo saiba disso".

A Diesel lançou uma campanha publicitária apelidada de “Make Love Not Walls” (“Faça amor, não muros”) como forma de protesto ao facto do presidente norte-americano Trump querer construir uma parede que separa o México dos EUA.

“#makelovenotwalls trata de derrubar as paredes mentais e físicas que nos separam, e deixar todos os lados se unirem em nome da unidade e do amor. [A marca] Diesel quer derrubar essas paredes mostrando que um amanhã mais brilhante e emocionante é possível”, lê-se no site oficial da marca.

Anúncios provocadores não são novidade para a marca de moda italiana. Foi uma das primeiras marcas a incluir fotos de um casal gay a beijar-se, num anúncio de 1995, filmado pelo fotógrafo e diretor David LaChapelle, que também dirigiu a atual campanha.

O diretor artístico da marca, Nicola Formichetti, afirmou em comunicado: “Na Diesel, temos uma forte posição contra o ódio e mais do que nunca queremos que o mundo saiba disso”. O tanque insuflável apresentado no anúncio irá correr o mundo, começando hoje por Londres.

Mais notícias