Lucro da Jerónimo Martins aumenta menos que o esperado

Lucros do primeiro trimestre do ano registaram um ligeiro aumento face ao mesmo período de 2016. Vendas cresceram 9% para 3,6 mil milhões de euros

Foto: Cristina Bernardo

O lucro da Jerónimo Martins cresceu 0,4% no primeiro trimestre deste ano, face a igual período de 2016, para 78 milhões de euros, anunciou hoje a empresa, em comunicado divulgado através da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Os analistas contactados pelo Jornal Económico esperavam um crescimento de 4% dos resultados líquidos da empresa de distribuição.

Já os resultados antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (EBITDA) saíram ligeiramente acima do esperado, tendo crescido 4,6%, para 192 milhões de euros, quando o consenso apontava para um ritmo de expansão de 4%.

As vendas do grupo que detém a Biedronka, na Polónia, e o Pingo Doce, em Portugal, cresceram 9%, para 3.679 milhões de euros, ultrapassando as expectativas dos analistas, que esperavam, em média, um passo mais lento, de 8,1%.

Mais notícias
PUB
PUB
PUB