Londres recebe o primeiro grande evento internacional sobre o mercado imobiliário ibérico

O Iberian Property Summit vai se realizar na capital inglesa no dia 20 de junho, numa altura em que Barcelona, Lisboa e Madrid estão entre as cidades mais promissoras para o investimento imobiliário na Europa.

Reuters

O evento apresenta-se em Londres com o duplo objetivo de fornecer informação qualificada sobre este mercado à comunidade internacional de investidores e facilitar o encontro entre os principais decisores da indústria.

Em 2016, o mercado ibérico de imobiliário comercial (incluindo escritórios, retalho, industrial e hotelaria) transacionou cerca de 10 mil milhões de euros, um volume que os analistas preveem que possa aumentar em 2017 tendo em conta a crescente atratividade das cidades ibéricas. Em 2016, o retorno proporcionado pelo investimento imobiliário nos dois países esteve entre 12% e 13% (de acordo com o MSCI); mas fatores como  o potencial de valorização dos imóveis com base nos mercados ocupacionais robustos; as melhorias no enquadramento legal; o desenvolvimento turístico do território no contexto global; a recuperação económica; e as oportunidades de investimento com escala que podem advir dos processos de desinvestimento das casas financeiras são também fatores de competitividade para este mercado.

O evento realiza-se no Hyatt Regency London – The Churchill e será presidido por Rupert Nabarro, uma das mais reconhecidas personalidades no seio da comunidade de investimento, fundador do IPD e que hoje em dia integra a MSCI Real Estate. Além do enquadramento macroeconómico para Espanha e Portugal, garantido pelo conceituado economista Daniel Lacalle; o programa de um dia debruça-se sobre os temas estruturantes na captação de investimento para a região, entre os quais a competitividade entre as principais cidades da região, a origem e perfil dos investidores mais ativos, assim como os segmentos e oportunidades mais aliciantes neste setor.

Organizado pela iniciativa Iberian Property, o evento tem o apoio das principais associações e organismos aglutinadores do investimento imobiliário a nível global, europeu e nacional, incluindo do RICS-Royal Institution of Chartered Surveyors, da EPRA –European Public Real Estate Association, e da ULI – Urban Land Institute. A ASPRIMA – Asociacíon de Promotores Inmobiliarios de Madrid, a ACI – Asociacíon Española de Empresas de Consultoría Inmobiliário, a APFIPP – Associação Portuguesa dos Fundos de Investimento, Pensões e de Património e a APPII – Associação Portuguesa dos Promotores e Investidores Imobiliários, são as entidades ibéricas que se associam ao evento, patrocinado pela CBRE e pela Uría Menéndez.

António Gil Machado, diretor do Iberian Property, adianta que “a iniciativa vem dar resposta às solicitações crescentes dos investidores que olham para a Ibéria como um destino “must go” no âmbito dos seus planos estratégico, mas que procuram saber mais sobre Espanha e Portugal, conhecer de perto as diferentes realidades locais e tomar contacto com um conjunto alargado de visões dos especialistas que já têm uma presença pan-ibérica”

PUB
PUB
PUB