Las Vegas: nova capital do desporto nos EUA?

A maior aceitação do jogo das apostas na sociedade americana e a diversificação da sua economia fazem do Nevada um mercado interessante para várias competições desportivas.

Também conhecida como a ‘cidade do pecado’, é o sítio onde as apostas movimentam milhões de dólares, mas que tem afugentado as grandes competições americanas. A razão principal? As ligas têm medo de estar relacionadas com escândalos ligados a este tipo de jogos, que possam manchar a imagem da liga.

Mas, no prazo de um ano, este medo parece ter desaparecido. A NHL confirmou em 2016 que a partir deste ano, a cidade do estado do Nevada teria a sua própria equipa de hóquei – os Golden Knights. E, para além disso, também a NFL autorizou a equipa Oakland Raiders a mudar-se para estado do Nevada. A alteração deve realizar-se em 2020, como conta o Expansion.

E porque é que Las Vegas deixou de ser tabu para as equipas norte-americanas? Esta resposta encontra-se no pensamento da sociedade americana, que já não vê o jogo (dos casinos e apostas desportivas) com tanto preconceito. Além disso, Las Vegas tem trabalhado para que a sua economia não dependa apenas das apostas que são feitas nos casino, e teve sucesso. Embora, obviamente, este sector continua a ser o principal motor da cidade, que está ao mesmo tempo a atrair empresas de tecnologia, como evidenciado pelo mil milhões de investimento da Faraday, futuro rival da Tesla, na construção de uma mega fábrica na cidade.

PUB
PUB
PUB