IKEA prossegue investimento de 200 milhões de euros em complexo no Algarve

Além da loja IKEA, já em funcionamento há mais de seis meses, o centro comercial tem abertura prevista para 26 de outubro e o 'outlet' deverá entrar em funcionamento no final de novembro, no total de 82 mil metros quadrados de área comercial e 210 lojas.

O Grupo IKEA prossegue o investimento de cerca de 200 milhões de euros para montar um mega-complexo de distribuição comercial moderna no Algarve, com uma área global de 82 mil metros quadrados, em Loulé, junto à Via do Infante.

Depois da abertura, a 31 de março, da loja IKEA, com uma área de cerca de 24 mil metros quadrados, o grupo multinacional sueco prepara-se para inaugurar ao público, através da ‘subholding’ IKEA Centers, no próximo dia 26 de outubro, o MAR Shopping Algarve, que terá um total de 110 lojas e uma área comercial de cerca de 42 mil metros quadrados.

Trata-se da segunda presença da insígnia MAR Shopping em Portugal, depois da unidade em operação em Matosinhos.

A terceira componente deste complexo comercial será o Designer Outlet Algarve, cuja primeira fase deverá abrir ao público no final de novembro, a tempo da época natalícia, conforme revelou ao Jornal Económico Herman Gewert, diretor-geral do MAR Shopping Algarve.

A primeira fase do Designer Outlet Algarve compreende 17 mil metros quadrados de área comercial. Ainda não existem pormenores sobre as datas previstas para a entrada em operação da segunda fase deste empreendimento.

Este ‘outlet’, com um total de 110 lojas, será gerido pela ROS – Retail Outlet Shopping, uma empresa austríaca especializada na operação destes formatos de distribuição especializada que, a exemplo de outros empreendimentos do grupo, darão uma ênfase especial ao segmento de moda, com cerca de metade do espaço comercial do ‘outlet’ ocupado por insígnias do segmento de ‘fashion’, ‘design’ e ‘lifestyle’.

No total, este complexo comercial em Loulé irá empregar três mil pessoas, além de estar a atrair investimentos próximos por parte de outros grupos de distribuição, como é o caso do Leroy Merlin, especializado em artigos de ‘bricolage’, cuja nova unidade se encontra em construção.

Quanto ao MAR Shopping, Herman Gewert garante que a unidade irá abrir ao público dentro de duas semanas, observando que “a maioria das lojas já está pronta”.

Ao fim de doze meses de operação, a IKEA Centers espera um total de nove milhões de visitantes, aproveitando as sinergias da loja IKEA, já em funcionamento há mais de seis meses.

Segundo Herman Gewert, o MAR Shopping terá um total de 85 lojas dos mais diversos segmentos comerciais, mais 25 lojas na área de restauração e cafetaria, incluindo um conceito único, inovador e de topo de gama, que não foi revelado ontem na visita técnica proporcionada aos jornalistas.

O empreendimento contará também com uma área de lazer de cerca de oito mil metros quadrados, para crianças e adultos, que se apresenta como o maior espaço do género ao ar livre num centro comercial em Portugal.

Starbucks (o primeiro do Algarve, o segundo será no Fórum Algarve, em Faro, já em novembro), Bershka, C&A, Zara, Zara Home, OVS, Massimo Dutti, Fnac, Mc Donalds, Mango, H&M, Primark (a maior do sudoeste da Península Ibérica, com um espaço de cerca de cinco mil metros quadrados), Stradivarius, Hussell, Tezenis, Swarowski, Giovanni Galli, Zippy, Lego (a terceira loja no país), O Boticário, Worten, Reichmann, Mr. Blue, Time Road, Pingo Doce, Vodafone, NOS (incluindo cinco salas de cinema, as primeiras com projeção laser em Portugal), A Loja do Gato Preto, Vodafone, MEO, BPI, Celeiro, Pull & Bear, Pans & Company, h3, Oro Vivo Jewelry, Rituals  e uma clínica particular serão as lojas e espaços disponíveis para os consumidores neste MAR Shopping Algarve.

O complexo comercial está equipado com 3.500 lugares de estacionamento, incluindo um parque subterrâneo.

O empreendimento será equipado com carregadores solares para dispositivos móveis de telecomunicações, torneiras, chuveiros e casas-de-banho com baixo consumo de água, materiais com reduzido impacto ambiental, painéis solares fotovoltaicos, iluminação LED, ‘software’ de controlo avançado para ar condicionado e iluminação, vegetação natural e jardins verticais com várias espécies de plantas, demonstrando a atenção que o Grupo IKEA dedica à sustentabilidade ambiental.

 

 

 

 




Mais notícias
PUB
PUB
PUB