Holanda está a testar semáforos no chão para peões viciados no telemóvel

Cidade holandesa implementou uma solução experimental para prevenir problemas com peões que vão a olhar para o telemóvel.

semaforo

Ter os olhos no telemóvel é das posturas mais comuns até enquanto vamos a andar, o que pode ser um perigo, especialmente no que diz respeito ao trânsito. Na Holanda, já há uma solução experimental para este problema: uma cidade holandesa instalou luzes de trânsito no pavimento para que os peões que vão de cabeça baixa e olhos postos no telemóvel não corram o risco de não ver a sinalização.

Os semáforos horizontais colocados no chão funcionam da mesma forma que as verticais e vão alterando entre luzes verdes e vermelhas consoante o trânsito, como noticia a imprensa internacional. Para já há três sinais do género, colocados junto a escolas a cidade de Bodegraven, na Holanda. O objetivo é chamar a atenção de transeuntes distraídos pelos aparelhos como o telemóvel.

“Redes sociais, jogos, WhatsApp e música são distrações no trânsito. Podemos não ser capazes de mudar essas modas, mas podemos prevenir problemas”, explicou o vereador do município, Kees Oskam, em entrevista à “BBC”, sobre o sistema que se chama +Lichtlijn, ou linha de luz em português, e foi desenvolvido pela empresa holandesa HIG Traffic Systems

No entanto, a Associação Holandesa para a Segurança Rodoviária critica a decisão. “Não é uma boa ideia ajudar os utilizadores de telemóveis a olharem para eles”, afirmou o porta-voz da associação, Jose de Long ao jornal “DutchNew”. “Não queremos que as pessoas usem telemóveis quando estão na rua, mesmo que estejam só a dar uma volta. As pessoas têm de olhar sempre em seu redor, para verem se os carros param nos sinais vermelhos”.

  • Anti-Futebol

    Finalmente uma boa ideia. Conduz-se pessimamente neste país mas os peões ainda são piores, atiram-se para a estrada de costas para os carros, sem olhar, a correr, de qualquer maneira.
    Há que perceber que a passadeira nos dá prioridade enquanto peões, mas não exclusividade, e que mesmo a prioridade não é um direito absoluto, o direito absoluto (e dever) é evitar um acidente.

    • Ignorante

      Depois queixam-se que a comida do hospital não presta …

  • MelhorNemDizer

    Eu não criava nada e nem acho grande ideia. Um animal que nem os cornos tira do telemóvel para ver se pode ou não atravessar uma estrada… Enfim, acho que já disse tudo.

    • Anti-Futebol

      Pois, boa sorte a tentar provar em tribunal que o atropelamento foi culpa do peão.

  • mendes

    e porque não inventar um sistema de deteção de semafores e passadeiras no télélé? Se possível um martelo para avisar o dito cujo :)

  • Skarakoska

    Porque não uma barra à altura da cabeça? Era mais fácil e barato!