Grupo canadiano investe 250 milhões nas minas de Neves Corvo

Empresa canadiana detentora da Somincor tem como objetivo concluir a expansão em meados de 2019.

O grupo canadiano Lunding Ming anunciou um investimento de 250 milhões nas minas de Neves Corvo com vista ao alargamento da mina na área do zinco, tendo como objetivo duplicar a produção, noticia o Dinheiro Vivo.

“Apresentámos um projeto técnico e ambiental para duplicar a produção de zinco, num investimento de 250 milhões de euros. Este é um projeto que durará cerca de dois anos e esperamos que esteja completo e em operação em meados de 2019”, afirmou o presidente-executivo da mineira, Paul Conibear, em conferência de imprensa, citado pelo Dinheiro Vivo.

A empresa canadiana detentora da Somincor tem como objetivo ter a expansão concluída em meados de 2019. O projeto prevê a criação de 300 a 350 postos de trabalho durante a fase de execução e 200 postos após a conclusão.

A previsão é que a mina passe de 1,1 milhões de toneladas anuais de zinco concentrado para 2,5 milhões de toneladas.