Galileu oferece formação gratuita em cibercrime

Esta empresa de formação do grupo Rumos vai realizar dia 23 de março uma "webcast" gratuita sobre novas tendências em matéria de cibercrime.

cibersegurança

A internet com os seus milhões de atividades comerciais, transações comerciais e serviços governamentais é um lugar de oiro para o crime.

“O desenvolvimento de novas ameaças cibernéticas veio permitir a realização de dinheiro fácil, por pessoas que nem precisam de ter grandes conhecimentos informáticos para serem criminosos cibernéticos”, explica António Silva, formador responsável pela “webcast” da Galileu.

Com esta ação, que é gratuita, mas obriga a inscrição prévia, pretende-se ”ajudar a identificar quais são e como evitar estes novos crimes virtuais, devido à enorme dificuldade em identificá-los, capturá-los e puni-los”.

António Silva é formador da Galileu desde agosto de 2008, nas áreas de redes e sistemas (Microsoft), segurança (EC-Council), Linux, SQL, Server, Powershell e CRM.

 

Mais notícias