Ford estreia novo Fiesta ST em Genebra

A presença da Ford no Salão de Genebra fica marcada pela estreia mundial da nova geração do Fiesta ST. Em exposição está também a série especial Heritage Edition do Ford GT e dois Mustang especiais.

A 7 de março teve lugar a estreia mundial da nova geração do Ford Fiesta ST. O Salão de Genebra foi o palco escolhido para a apresentação do novo modelo, integrado na gama Ford Performance. O Fiesta ST monta um novo motor a gasolina EcoBoost de 1,5 litros e três cilindros e foi desenvolvido com a mesma filosofia que a Ford Performance aplicou no supercarro Ford GT, que se estreia na Europa com a decoração especial Ford GT ’66 Heritage Edition.

Os 200 cv de potência e os 290 Nm de binário máximo que este motor oferece permitem à Ford anunciar 6,7 segundos na aceleração 0-100 km/h, para o que concorrem também a nova combinação coletor de admissão/injeção direta de combustível, um sofisticado turbo e a nova tecnologia de desativação de cilindros, que proporciona baixos níveis de emissões de CO2.

O Fiesta ST estreia também a possibilidade de selecionar o modo de condução pretendido, configurando a gestão do motor, a direção e o controlo de estabilidade nos modos Normal, Sport e Track. A terceira geração do Fiesta ST vai também oferecer a maior variedade de sempre em acabamentos e opções de personalização, e estará disponível, no início de 2018, nas carroçarias de três e cinco portas.

Em estreia, mas apenas em solo europeu, está a edição limitada Ford GT ‘66 Heritage Edition, que presta homenagem à vitória da Ford nas 24 Horas de Le Mans de 1966. Ostenta uma pintura exterior Shadow Black com acabamento brilhante ou mate, faixas prateadas e fibra de carbono à vista, bem como grafismos “#2” em Frozen White no capot e nas portas, e ainda jantes em alumínio de 20 polegadas com uma camada opaca em dourado acetinado, com porcas de aperto em preto.

Os modos de condução Normal, Wet, Sport, Track e V-Max são selecionáveis através do painel de instrumentos digital de 10 polegadas. Estes modos alteram, entre outras coisas, o mapeamento do motor EcoBoost V6 de 3,5 litros, que disponibiliza 647 cv e 746 Nm de binário. A velocidade máxima de 347 km/h faz deste o Ford de produção mais veloz de sempre em pista.

Em exibição em Genebra estão também duas novas edições especiais do Ford Mustang, dotadas de um estilo único e especificações premium, já disponíveis para os clientes europeus. O Ford Mustang Black Shadow Edition é proposto com o motor Ford V8 de 5,0 litros com 421 cv e transmissão manual ou automática de seis velocidades. O estilo exterior inclui o emblema “Pony” em preto na grelha, jantes em liga leve exclusivas de 19 polegadas com desenho em “Y”, em preto, faixas pretas no capot e ao longo da lateral do carro, nas zonas inferiores entre os guarda-lamas, bem como um badge “5.0-litre” em preto colocado nos guarda-lamas da frente.

O Ford Mustang Blue Edition inspira-se nos Mustang clássicos. A cor Azul Grabber da carroçaria é reforçada com faixas pretas no capot e tejadilho, e jantes de liga leve de 19 polegadas com braços múltiplos. No campo das motorizações, as opções incluem os blocos Ford V8 de 5,0 litros com 421 cv ou EcoBoost de 2,3 litros com 317 cv, a que se podem unir transmissões manuais ou automáticas de seis relações.

PUB
PUB
PUB