Estas são as 61 agências que a Caixa quer fechar

A administração do banco público já entregou a lista de agências e balcões que deverão encerrar numa primeira fase.

Rafael Marchante/Reuters

A CGD entregou a 22 de março e no Parlamento a lista de agências a encerrar, lista a que o Observador teve acesso.

Veja aqui quais as agências da CGD que irão encerrar, por zonas do país:

Na direção do Norte, as agências encerradas são:

  1. Gualtar
  2. São Lázaro
  3. Campo-Valongo
  4. Ponte da Pedra
  5. Pinhais da Foz
  6. Termas S.Vicente
  7. Santa Quitéria
  8. Fontainhas
  9. Senhora da Agonia
  10. Merelim
  11. Lordelo
  12. Pedras Rubras
  13. Oliveira do Douro
  14. Pádua Correia
  15. Portas Fronhas

Já no centro do país, a CGD vai fechar as seguintes agências:

  1. São Bernardo
  2. Cucujães
  3. Atouguia da Baleia
  4. Silvares
  5. Febres
  6. Caranguejeira
  7. Pousos
  8. Aida
  9. Souselas
  10. Branca
  11. Almeida
  12. Universidade de Coimbra (Pólo II)
  13. ISPV

Na Direção de Particulares e Negócios de Lisboa é se esperam mais encerramentos. São 18:

  1. Quinta das Conchas
  2. ISEG
  3. Cascais Av.
  4. Colares
  5. ISEL
  6. Universidade Nova
  7. Palácio da Justiça
  8. Avenida Fontes Pereira de Melo
  9. Torres Vedras Sul
  10. Sobreiro Curvo
  11. Abrigada
  12. Merceana
  13. Brandoa
  14. Pólo da Ajuda
  15. Tagus Park
  16. Caneças
  17. Colinas do Cruzeiro
  18. 5 de Outubro (já consumado o encerramento)

A Sul e ilhas, as quinze agências encerradas são:

  1. Angra – Avenidas
  2. Fajã de Cima
  3. Sobreda da Caparica
  4. Cacilhas
  5. Fórum Almada
  6. Quinta do Amparo
  7. Ameijeira
  8. Lavradio
  9. Fórum Madeira
  10. Alexandre Herculano — Portalegre
  11. Pedro de Santarém
  12. Canha
  13. Monte Gordo
  14. Gambelas
  15. Santa Margarida


Mais notícias