Duas portuguesas vão ao mercado ‘cripto’ em 2018

Houve duas ICO portuguesas em 2017 e, este ano, há outras empresas a prepararem operações. Sem regulação, têm de o fazer a partir de outros países.

Cristina Bernardo

A emergência do financiamento através da emissão de criptomoedas não está a passar ao lado das empresas portuguesas. Após duas initial coin offerings (ICO) em 2017, há pelo menos mais duas a prepararem-se para lançar operações ainda este ano.

Artigo publicado na edição semanal do Jornal Económico. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor.






Mais notícias
PUB
PUB
PUB