Competitividade das empresas “depende da migração para IaaS”, defende Oracle

O mais recente estudo da Oracle mostra como os benefícios advindos da infraestrutura cloud constituem um diferenciador claro para as empresas.

A percentagem de empresas que já está a usufruir dos benefícios da adoção do IaaS (Infraestrutura como Serviço, isto é, uma infraestrutura de informática aprovisionada e gerida através da internet) aumentou significativamente no último trimestre, de acordo com um estudo conduzido à escala mundial pela Oracle, em parceria com a Longitude Research. Foram inquiridos 1610 profissionais de TI na Austrália, na Alemanha, na Índia, em Itália, na Malásia, na Arábia Saudita, em Singapura, na Coreia do Sul e no Reino Unido sobre a sua experiência com a implementação da infraestrutura de cloud e do que fariam de forma diferente.

Este estudo revela que cerca de três quartos dos inquiridos (72%) acreditam que o IaaS contribui para facilitar a inovação dos seus negócios – este é um aumento de mais 10% face aos resultados do trimestre anterior. Para 68% das empresas, o IaaS oferece níveis de desempenho “excecionais” no que diz respeito ao incremento da velocidade e da disponibilidade (mais 20% trimestre a trimestre).

Por outro lado, mais de metade dos inquiridos (56%) revelou que as suas empresas registaram níveis acrescidos de produtividade com a migração para a cloud, e quase metade dos inquiridos (46%) afirmaram que as suas equipas de TI puderam passar a focar-se mais ativamente noutros projetos de maior valor acrescentado.

O estudo também revela que dois terços das empresas (66%) acredita que quem não investir no IaaS se irá debater com dificuldades para acompanhar o ritmo das empresas que o utilizam. O index também sublinha que para mais de dois terços dos inquiridos (68%) a migração para o IaaS também contribuiu para reduzir significativamente o tempo de disponibilização das novas aplicações e serviços, bem como para reduzir substancialmente os custos de manutenção.

Adicionalmente, 20% dos inquiridos afirmou que o IaaS é “um poderoso aliado” no momento de superar os desafios do mercado e os concorrentes.

Ao comentar os resultados obtidos neste estudo, James Stanbridge, vice presidente IaaS Product Management EMEA e APAC da Oracle sublinhou, desde logo, que “os investimentos na IaaS compensam”, acrescentando que as empresas comprovam os benefícios que advém desta adoção e que se estendem muito além do departamento de TI. “As empresas alcançam melhorias evidentes de produtividade, bem como a capacidade de mudarem o foco para projetos de maior valor acrescentado. Dado o elevado número de inquiridos que salientou o quanto o IaaS pode ajudar nos processos de transformação e nas suas ambições de inovação, esperamos que o retorno do investimento continue a crescer”, reforçou.

James Stanbridge alertou ainda para o facto de a minoria das empresas que ainda estão na dúvida sobre o que fazer, estarem em “sério risco de ficar para trás, enquanto as suas rivais se tornam mais ágeis”.

Adicionalmente, 20% dos inquiridos afirmou que o IaaS é um poderoso aliado no momento de superar os desafios do mercado e os concorrentes. As conclusões do estudo sublinham os benefícios colhidos pelos clientes da Oracle Cloud Infrastructure como resultado dos elevados níveis de disponibilidade, de desempenho e de otimização dos custos assegurados pelas infraestruturas baseadas na cloud.

 




Mais notícias