Bolsas de estudo já pagas no Superior totalizam 22 milhões

Até agora foram pagas 42.562 bolsas, mais de cinco mil do que no mesmo período de 2016/17, revela o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que, este ano letivo, mudou as regras de atribuição.

A mudança de regras acelerou o processo. O Ministério tutelado por Manuel Heitor revelou, esta manhã, que à data de 15 de dezembro, estão já decididas 71.040 candidaturas que equivalem a 74% do processo concluído, contra 66% no período homólogo do ano letivo anterior.

Das 52.836 bolsas já deferidas, 9.463, isto é, 18%, correspondem a processos que cumpriram todos os requisitos de renovação automática previstos na atualização do regulamento.

Até final de novembro, e segundo informações da Direção-Geral do Ensino Superior, encontravam-se efetuados os pagamentos de 42.562 bolsas, no montante total de 22.082.146 euros. No mesmo período do ano 2016/17, estavam pagas 36.821 bolsas, no valor de 20.014.752 euros.

O processo de atribuição de bolsas de estudo foi simplificado no ano letivo corrente. A renovação das bolsas assenta agora num processo automático. Após a primeira inscrição, desde que se mantenham os pressupostos previstos no regulamento, os estudantes verão os seus requerimentos automaticamente deferidos nos anos seguintes.




Mais notícias
PUB
PUB
PUB