Barclays Africa pode comprar Moza Banco

A Bloomberg avança que o Barclays Africa Group será o principal candidato à compra do Moza Banco, em Moçambique, aproveitando as economias de escala geradas com a aquisição.

O Barclays Africa Group, grupo bancário sul-africano que opera em 12 países do continente africano, é referido pela Bloomberg como o principal candidato à compra do Moza Banco, a quarta maior instituição bancária de Moçambique, citando a agência fontes próximas do processo.

O banco central moçambicano recebeu três propostas, que serão revistas por um painel independente antes do anúncio do vencedor, o que acontecerá em julho. De acordo com a mesma fonte, o Barclays Africa beneficiaria com a compra do Moza Banco, pois tal permitir-lhe-ia crescer substancialmente as suas operações naquele país.

A venda do Moza Banco surge numa altura em que as falências de bancos em Moçambique se acumulam, com os reguladores a ordenarem o fim das operações da Caixa Cooperativa De Credito SCRL e a liquidação do Microbanco Fides. A administração do Moza Banco passou para as mãos do banco de Moçambique no passado mês de setembro, depois de a solvência da instituição ter descido para zero. Um mês depois, o banco central moçambicano declarou que iria estabilizar o Moza Banco e prepará-lo para ser vendido.

Mais notícias