InícioNotícia escrita porTânia Madeira

tmadeira@jornaleconomico.pt

Joaquim de Almeida já não vive na América ideal. O ator português está assustado com o consulado do novo presidente dos EUA e espera que Trump “se enterre de tal maneira que daqui a quatro anos ninguém vote nele”. Numa longa entrevista, o ator disse, ainda, que Portugal tem cinema a menos e turismo a mais. E não se foi embora sem partilhar uma história de vida, íntima, pouco feliz, do ator que também desaba, mas nunca desiste.

"Falta contar a história dos reguladores e dos auditores na crise da banca". O fundador e ex-presidente do BPP diz que não burlou ninguém e quer expor responsabilidades do Banco de Portugal e dos auditores na crise da banca. A vida suspensa de João Rendeiro, o caso BPP e os outros casos da banca serviram de pano de fundo a esta entrevista.

Fundador e ex-presidente do BPP diz que não burlou ninguém e quer expor responsabilidades do Banco de Portugal e dos auditores na crise da banca.

O Daesh não reivindicou a explosão desta noite mas há "um forte indicador” da ligação do grupo ao acontecimento. De acordo com uma gravação divulgada na rede social encriptada, um dos homens encapuzados adianta que “isto é apenas o início”. “

"A história que falta contar", é a história de Orlando Santos, um sócio que já não terá (talvez) outra oportunidade para ver o tetra. Vídeo de Guilherme Cabral tornou-se viral em minutos.

Taiwan é o primeiro país da Ásia a proibir o consumo de carne de cão e gato. O principal órgão legislativo do país insular da Ásia Oriental aprovou uma emenda histórica relativa à lei da proteção dos animais.

Berlusconi está a enfurecer a indústria italiana da carne. Numa campanha pela alimentação vegetariana, o antigo primeiro-ministro italiano mostra como "salvou cinco cordeiros da matança da Páscoa". A mensagem é esta: "Defendam a vida e escolham uma Páscoa vegetariana".

Imagens captadas imediatamente depois do camião ter atingido várias pessoas no centro de Estocolmo. A polícia fala em terrorismo.