InícioNotícia escrita porPaulo Camacho

Os casos de dois projetos empresariais recentes, com investidores estrangeiros a licenciarem as suas atividades no Centro Internacional de Negócios da Madeira (CINM), são exemplo de que a criação de postos de trabalho no quadro da Zona Franca madeirense é uma realidade.

A Câmara Municipal do Funchal prepara-se para renovar a Sinalização Urbana da Baixa da Cidade, com a instalação de 12 marcos de orientação e de 18 pegadas urbanas, que vão transformar a maneira como os turistas se orientam na cidade.

O presidente do Governo Regional disse esta tarde claramente que a Madeira está no caminho certo.

O representante da República para a Região Autónoma da Madeira disse esta tarde na sua intervenção por ocasião do Dia do Empresário Madeirense, organizado pela ACIF - Câmara de Comércio e Indústria da Madeira, que os empresários “têm, cada vez mais, de procurar antecipar o futuro, de tomar as decisões no tempo certo e de promover nas suas empresas as mudanças que lhes permitam sobreviver e progredir”.

O Funchal foi considerado hoje pela trivago, o maior motor de busca e comparador de preços de hotéis do mundo, como o 6.º destino nacional mais procurado pelos portugueses para as férias do próximo verão.

Com o intuito de garantir a segurança da população em vertentes como os incêndios nas serras, o Governo Regional apoia as suas limpezas, através do programa PRODERAM  - Programa de Desenvolvimento Rural da Região Autónoma da Madeira para o período 2014-2020.

No final do primeiro trimestre do corrente existiam 19.316 postos de trabalho na Administração Regional da Madeira. Comparativamente ao período homólogo de 2016 houve uma redução de 283 postos (-1,4%), enquanto a variação face ao trimestre anterior foi de +16 postos de trabalho.

O número de hóspedes na hotelaria da Região Autónoma da Madeira cresceu 9,6% nos primeiros três meses do corrente ano em comparação com período homólogo de 2016.