InícioNotícia escrita porMário Malhão

mmalhao@jornaleconomico.pt

Portugal foi um dos países europeus em que o PIB menos cresceu no primeiro trimestre, mas a desaceleração ficou patente nas generalidade das economias europeias.

Europa, Médio Oriente, norte de África e EUA. Fundos privados, entidades estatais, um banco português e acionistas anónimos.

O Instituto Nacional de Estatística revelou esta quarta-feira que a taxa de desemprego diminuiu para 7,9% e que a população empregada aumentou face ao último trimestre do ano passado, embora de forma marginal. Os cálculos do Jornal Económico mostram que a educação foi o setor onde houve mais emprego criado face ao último trimestre do ano passado, com mais 26 mil postos de trabalho. O comércio aparece na posição seguinte, com mais 22 mil empregos registados, seguido das atividades relacionadas com saúde.

É a Oferta Pública de Aquisição da década. A China Three Gorges, que já é a maior acionista da EDP Energias de Portugal, esta sexta-feira quer controlar a energética portuguesa. A contrapartida que a estatal chinesa oferece avalia a empresa liderada por António Mexia em 11,29 mil milhões de euros. Veja aqui todos os números da oferta.

Investimento de longo prazo é uma aposta que pode render ganhos significativos. Foi o caso de quem comprou ações da Netflix ou da Apple há dez anos. Para os investidores da Nokia ou da General Electric, a sorte não foi a mesma.

Os helicópteros sugiram com a criação da empresa do mesmo nome, do nome do fundador, Nikolai Kamov. Desde 1929, com sede em Moscovo, a empresa dedicou-se ao fabrico de helicópteros com maior vocação naval, embora se tenha especializados em nichos, como os helicópteros de combate aos incêndios florestais.

O setor agrícola nacional tem vindo a aumentar de forma gradual a sua produção. Fatores como a tecnologia, a rega de precisão e melhorias nas áreas do marketing e da gestão têm explicado o sucesso de cada vez mais produtos agro-alimentares portugueses. Em particular na vertente de exportação, que tem estado a crescer em volume e em valor, e deverá, no espaço de dois a quatro anos, permitir equilibrar pela primeira vez a deficitária balança comercial nesta área. Os produtos-estrela são os vinhos, azeites, hortícolas, frutas e tomate, esperando-se um ‘boom’ nos frutos secos.

Inspirados pelas revoltas populares contra os regimes ditatoriais na Tunísia, Egipto e Líbia, denominadas como "Primaveras Árabes", milhares de cidadãos sírios manifestaram-se contra o presidente Bashar al-Assad, em 2011, queixando-se do desemprego e da corrupção e exigindo liberdade política. Os protestos foram violentamente reprimidos pelo regime de Assad, temendo ser deposto como Ben Ali, Hosni Mubarak e Muammar al-Kadhafi.

PUB
PUB
PUB