Automóvel: Estocolmo experimenta os dois primeiros camiões eletrificados da Volvo Trucks

A construtora de pesados elétricos está igualmente envolvida em projetos de reciclagem de baterias, com a reutilização das mesmas para o armazenamento de energia. A empresa frisa que “ainda não foram resolvidos todos os problemas relacionados com o processamento de baterias”.

A Volvo Trucks acaba de responder ao mercado que exige camiões elétricos para serviços nos quais a ausência de ruído é relevante. É o caso dos serviços municipais de recolha de lixos e outro tipo de operações onde é relevante a ausência de emissões de CO2 e de ruído.

Jonas Odermalm, responsável pela estratégica de produtos Volvo FL e Volvo FE na Volvo Trucks diz que “fornecedores de energia e fabricantes de veículos devem cooperar para que a eletrificação em grande escala se torne realidade”. Defendeu uma “estratégia de longo prazo no planeamento urbano e a expansão da 1516infraestrutura de carregamento”, para acelerar o processo.

O veículo proposto tem uma autonomia de 300 km, sendo que o armazenamento de energia é feito com duas a seis baterias de iões de lítio, com um total de 100 a 300 kWh. O carregamento pode ser feito através da rede de abastecimento público de 22 kw, até 10 horas; ou através do carregamento rápido de uma a duas horas, sendo neste caso usada uma infraestrutura até 150 kw.

Os primeiros dois camiões do segmento Volvo FL Elétrico estão a operar em Gotemburgo, estando a ser utilizados pela empresa de recolha de resíduos Renova AB e pela empresa de transportes TGM.

A construtora de pesados elétricos está igualmente envolvida em projetos de reciclagem de baterias, com a reutilização das mesmas para o armazenamento de energia. A empresa frisa que “ainda não foram resolvidos todos os problemas relacionados com o processamento de baterias”.






Mais notícias
PUB
PUB
PUB