Anfitriã da Airbnb multada em cinco mil dólares após comentário racista

Tami Barker foi multada em cinco mil dólares, depois de ter cancelado uma reserva e se ter recusado em alojar uma utilizadora do serviço, Dyne Suh, por esta ser de descendência asiática.

Segundo conta o The Guardian, o caso foi tornado público depois de Suh ter partilhado um vídeo onde denuncia a discriminação de que foi alvo.

“Não te alugaria [a casa] nem que fosses a última pessoa na casa. Uma palavra diz tudo: asiática. É por isto que temos o [Presidente] Trump, não podemos ter estrangeiros a dizer-nos o que fazer”, lê-se nas mensagens enviadas por Barker a Suh.

Entretanto, Barker foi banida da Airbnb e, para além da multa, terá de tirar um curso de estudos Asiáticos-Americanos.

Este não é o primeiro caso de racismo denunciado por utilizadores da Airbnb, serviço online comunitário para as pessoas anunciarem, descobrirem e reservarem acomodações e meios de hospedagem. A plataforma tem procurado combater ativamente este tipo de situações, aprovando até políticas anti-discriminação no final do ano passado.

 



Mais notícias
PUB
PUB
PUB