Alberto Ramos: “2018 tem condições de ser um bom ano para famílias e empresas”

O Country Manager do Bankinter Portugal analisa, num artigo de opinião para o Jornal Económico, as perspetivas de evolução da economia portuguesa este ano.

Alberto Ramos

Estou muito otimista em relação a 2018. Com base no nosso departamento de análise, acreditamos no Bankinter que, a nível internacional, 2018 deverá ser marcado por uma sólida expansão das principais economias do mundo. Neste cenário, a Zona Euro, que se encontra imersa num momento cíclico bastante favorável, deverá destacar-se.

As melhorias no mercado laboral, em conjunto com uma maior confiança das famílias, deverão permitir manter um crescimento económico sustentável e reduzir a dependência das políticas expansionistas do BCE.

Empresas e famílias continuarão a beneficiar de umas condições de financiamento muito atrativas, o que irá dinamizar ainda mais o crescimento económico.

Para Portugal, cremos que este será um ano de consolidação do progresso realizado no ano transato. O regresso do rating ao mundo do “Investment Grade” transmite confiança aos investidores estrangeiros e tem permitido aliviar de forma significativa a fatura com os juros. Em simultâneo, a retoma nas principais componentes do PIB – Consumo Privado, Investimento e Exportações – aparenta ser sustentável e duradoura.

Acredito, por isso, que 2018 tem todas as condições para ser um bom ano para as famílias e empresas em Portugal. E no Bankinter Portugal, temos a ambição saudável de continuarmos a crescer e de sermos uma referência no mercado nacional, de continuar a conquistar a confiança de cada vez mais clientes e de reforçar a confiança que os nossos atuais clientes depositam em nós.





Mais notícias