Airbags de 2,9 milhões de Toyota podem explodir

A Toyota vai chamar à oficina 2,9 milhões de automóveis, devido a defeitos nos airbags, que podem explodir se expostos a calor intenso.

De acordo com o Automotive News, a Toyota vai chamar às oficinas nada menos que 2,9 milhões de veículos um pouco por todo o globo, entre eles os Rav4 e Corolla Axio. A razão é o perigo de explosão que representam os airbags montados nestas viaturas.

A Toyota anunciou que as recolhas envolvem cerca de 1,6 milhões de veículos vendidos na Oceânia e Médio Oriente e 750 mil unidades vendidas no Japão. Não foram revelados dados para o mercado europeu.

Os airbags montados nestes veículos são oriundos da Takata, empresa japonesa fornecedora deste tipo de componentes para várias marcas, que se viu envolvida em 16 casos de morte por disparo acidental do airbag, todos nos EUA. No seguimento destes casos, o fabricante foi obrigado por várias autoridades de segurança e transportes a recolher os 100 milhões de unidades existentes no mercado. Estes acidentes prendem-se com a composição química dos airbags da Takata, que contêm nitrato de amónia, químico que deflagra quando exposto ao calor intenso durante muito tempo.

Mais notícias