Aeroporto de Macau espera receber mais de 7,3 milhões de passageiros este ano

O aeroporto fechou o ano a registar um total de 7,16 milhões de passageiros e 37,5 toneladas de carga, com a abertura de seis novas rotas.

O aeroporto internacional de Macau espera vir a receber mais 7,38 milhões de passageiros este ano, depois de estar concluídas as obras de extensão do terminal norte. O aeroporto fechou o ano a registar um total de 7,16 milhões de passageiros e 37,5 toneladas de carga, com a abertura de seis novas rotas.

Em comparação com 2016, o aeroporto internacional de Macau registou um aumento de 8,1% no número de passageiros e uma subida de 14% nas toneladas de carga operadas. Os dados da Companhia do Aeroporto Internacional de Macau (CAM) mostram ainda que as autoridades aeroportuárias movimentaram mais 58 mil aeronaves, o que representa um aumento de 2,8% em comparação com o ano anterior.

O aeroporto abriu o ano passado seis novas rotas: Changzhou (China), Sihanoukville e Siem Reap (Camboja), Jacarta e Bali (Indonésia) e Johor Bahru (Malásia). Lisboa tornou-se também um novo destino, através da ligação aérea com Pequim. As receitas do aeroporto registaram também um aumento de 9,2% em relação a 2016 para 4,9 mil milhões de patacas.

“Em relação a 2018 e após a conclusão da extensão norte no primeiro trimestre, o terminal poderá receber 7,5 milhões de passageiros, e mais espaços comerciais. O tráfego de passageiros em 2018 deverá atingir os 7,38 milhões, o transporte de carga as 39 mil toneladas, num total de 60 mil movimentos de aeronaves”, afirmou o presidente do conselho de administração, Ma Iao Hang.




Mais notícias