Adiada novamente na AR votação da lei que regula plataformas eletrónicas de transporte

Há 15 dias, o PS já tinha adiado potestativamente para hoje a discussão e votação na especialidade da proposta de lei do Governo, dos projetos de lei do PSD e do Bloco de Esquerda, bem como as propostas de alteração apresentadas por PS, CDS-PP e PCP, com o intuito de alcançar um “texto de substituição” e o “acordo” do maior número possível de grupos parlamentares.

O PCP adiou hoje potestativamente para quarta-feira a votação na especialidade da regulamentação das plataformas eletrónicas de transporte de passageiros, depois de PSD e PS terem entregue no início da reunião da Comissão de Economia propostas de alteração.

Há 15 dias, o PS já tinha adiado potestativamente para hoje a discussão e votação na especialidade da proposta de lei do Governo, dos projetos de lei do PSD e do Bloco de Esquerda, bem como as propostas de alteração apresentadas por PS, CDS-PP e PCP, com o intuito de alcançar um “texto de substituição” e o “acordo” do maior número possível de grupos parlamentares.

No início da reunião de hoje, o deputado do PCP Bruno Dias questionou o presidente da comissão sobre se tinham dado entrada novas propostas sobre o assunto, tendo Hélder Amaral (CDS-PP) revelado que tinha acabado de receber propostas de alteração de PS e PSD, em separado.




Mais notícias
PUB
PUB
PUB