800 milhões de trabalhadores substituidos por robots até 2030

Mesmo que o aumento de robots seja gradual, cerca de 400 milhões de trabalhadores em todo o mundo deverão ser substituídos por máquinas dentro de 13 anos.

Donat Sorokin / TASS

Um quinto da população mundial empregada de hoje vai perder os seus empregos para robots até 2030, de acordo com um relatório da McKinsey  & Co. revelado esta terça-feira.

Segundo a Bloomberg, o documento da consultora norte-americana, que analisa mais de 800 empregos em 46 paises, revela que cerca de 800 milhões de trabalhadores vão perder os seus empregos. Tanto os países desenvolvidos como países em desenvolvimento vão ser afetados pela evolução da robótica e da inteligência artificial.

Operadores de maquinaria, funcionários de cadeias de fast-food e secretárias serão alguns dos mais afetados pela expansão da automação nos postos de trabalho. E mesmo que o aumento de robots seja lento, cerca de 400 milhões de trabalhadores em todo o mundo deverão ser substituídos por máquinas dentro de 13 anos.

“Todos nós teremos de aprender a fazer coisas novas ao longo do tempo”, disse Michael Chui, um parceiro da McKinsey & Co., numa entrevista à Bloomberg.



Mais notícias